Cultura do estupro, redes sociais e indignação seletiva

Todo mundo está sabendo dos casos chocantes de estupro coletivo no Rio e no Piauí que ganharam as manchetes de jornais, rádio, TVs e redes sociais no Brasil e no mundo. Não gosto desta alcunha “cultura do estupro”, que circula por aí em forma de artigos e campanhas. Acho superficial. Há problemas sociais muito mais complexos ligados à baixa cultura, educação medíocre e impunidade. Mas já que o termo é a bola da vez, eu o utilizarei aqui.

Ouça aqui o comentário de hoje em minha coluna na rádio CBN Curitiba, que foi sobre este assunto. Contudo, como o tempo foi curto para tudo o que eu queria dizer, estendo o assunto a este post.

Ler Mais »

Lançamento: Novos Moto G 4, G Plus e G Play

image

Estou em São Paulo para acompanhar de perto o lançamento da primeira atualização da família Moto by Lenovo de 2016, o G de 4ª geração — que agora possui 3 versões. Há coisas boas, principalmente no que diz respeito à evolução técnica da linha, mas há alguns problemas de posicionamento da família G que poderão frustrar fãs da marca. 

Os 3 novos G

O G está sendo apresentado também na Índia, e há rumores de uma versão com 4 GB de RAM e 64 ou 128 GB de armazenamento interno. Recebi várias indagações a respeito dessas especificações no Twitter, mas é importante esclarecer que o modelo brasileiro não tem nada disso.

Na verdade, são 3 modelos: o Moto G 4, o G Plus (o mais sofisticado) e o G Play, que ao contrário do que o nome possa indicar, é o que tem as especificações mais espartanas. Começa aí uma pequena confusão, já que muitos poderão associar o nome ao Moto X Play do ano passado. Não tem nada a ver e não sei por que ele recebeu este nome. Talvez pensando nos futuros X de 2016, que poderão seguir nomenclatura similar.

O Moto G 4 recebeu uma grande atualização tanto por dentro quanto por fora, e o G Plus segue a mesma linha. A antiga traseira arredondada e emborrachada deu lugar a uma estrutura mais reta e lisa, ficando mais fino também. A tela cresceu, passando de 5 para 5,5″, e a qualidade melhorou, passando de HD (720 x 1280 pixels) para Full HD (1080 x 1920 pixels). A câmera traseira é de 13 MP no G 4 e 16 MP no G Plus. Em ambos, a frontal é de 5 MP.

Abaixo, a capa traseira mais lisa e com detalhe perolado:

image

Houve mudanças interessantes também no motor. O G 4 e o G Plus contam com processador Snapdragon 817 octacore e 2 GB de RAM. Não há mais modelos com opção de 1 GB de RAM, ufa! O armazenamento interno é de 16 GB no G 4 e 32 GB no G Plus. Em todos, o sistema é o Marshmallow 6.0.1 com previsão para receber o N. 

A bateria passou para 3.000 mAh e recebeu a hoje imprescindível tecnologia de carregamento rápido TurboPower, já presente nos X de 2015. O carregador é de 10 W no G 4 e 15 W no G Plus, permitindo que se atinja 60% da carga em apenas 15 minutos. Quem já usou smartphone com esta tecnologia não consegue mais voltar atrás, pois faz uma diferença enorme na produtividade. 

Outra coisa que gostei bastante é o sistema inteligente de gerenciamento dual-SIM. Agora, o Moto G pode aprender qual chip usar para responder ou ligar para seus contatos baseado no padrão que você usa com cada um deles. E também para escolher a melhor rede de dados disponível no momento. Ou seja, ele “aprende” suas preferências. No G 4, os slots para chips suportam rede de dados 4G/2G no G 4 e 4G/3G no G Plus.

A câmera, que considero a principal melhoria do G 3 do ano passado, continua ganhando atenção especial e é o maior destaque do modelo G Plus, com autofoco a laser e captura aprimorada em ambientes com pouca luz. Mas seu principal destaque é uma espécie de botão ‘home’ que é uma a leitora de impressões digitais, usada para desbloqueio do aparelho e de aplicativos. Contudo, não é exatamene um botão, pois não tem outra função a não ser ler digitais. Acredito que a Lenovo preferiu não adicionar outras funções para manter o perfil da família Moto de não ter botões físicos na frontal, algo que também daria mais trabalho na hora de adequar o sistema operacional. 

E o G Play? Como comentei, não se deixe enganar pelo nome: este é o caçula da família, com tela menor, de 5″, processador quadcore, 2GB de RAM, câmera de 8MP e bateria de 2800 mAh. Apesar da função de TV Digital ser uma constante em aparelhos de entrada, isso não acontece com o G Play. Dos 3 lançamentos, somente o G 4 tem TV, através de uma antena externa que é plugada ao dispositivo. Sinceramente, o G Play não me empolgou porque destoa muito dos outros 2, sendo bastante parecido com o G do ano passado. Talvez ele esteja mais para uma atualização do Moto E2 do ano retrasado, pois não há nenhuma novidade nele que se possa destacar além da Moto Tela — que é um sistema de visualização do conteúdo de notificações sem sair da tela de bloqueio, usando gestos.

image

Preços e Lei do Bem

Os preços são R$ 1.299,00 para o G 4 e R$ 1.499,99 para o G Plus — este vem com 2 capinhas traseiras de diferentes cores. O G Play ainda não tem preço, pois só será lançado em agosto, mas a Lenovo garantiu que será abaixo de R$ 1.000,00. Os 3 poderão ser customizados na loja Moto Maker quanto às cores das capinhas traseiras e suas texturas. Uma delas é siliconada, mais texturizada. A outra, mais lisa, com um toque perolado. O anel da câmera também pode ser customizado e a gravação de textos personalizados continua existindo. 

Otimista que sou, queria ter vindo aqui hoje para contar que os preços dos novos G são próximos do ano passado, com a linha anterior continuando à venda com preços menores. Infelizmente, os preços da geração anterior permanecem os mesmos. Para quem busca uma opção ultra econômica, vale lembrar que o G 2 de 2014 continua no jogo, já que está com o sistema operacional atualizado para o Marshmallow. O desempenho não é o ideal, mas desponta como uma opção para quem quer apenas um smartphone básico. 

Os executivos da Lenovo comentaram as idas e vindas da Lei do Bem. Durante a vigência da isenção fiscal, as vendas de smartphones Motorola aumentaram cerca de 3 vezes. Também investiram em infraestrutura em Jaguariúna e aumentaram a força de trabalho. Com sua revogação temporária e o cenário de crise as estratégias foram revistas. Como a nova vigência não é algo garantido, devido às indefinições tributárias do novo governo, não se descarta que os preços caiam no futuro. Mas há muitas variáveis envolvidas — dólar alto, inflação, retração no consumo — e a companhia preferiu não especular. 

Saí do evento com uma mistura de sentimentos: empolgada com a evolução técnica principalmente do G Plus, que é um intermediário lindo e poderoso, mas frustrada que os preços tenham atingido patamar de linha X. É bem provável que os fãs da marca se frustrem com o alto custo e relutem em fazer upgrade tão cedo. Os modelos X Style e X Play do ano passado se tornam, automaticamente, opções interessantes, já que a futura família X de 2016 deve vir com preços ainda mais salgados. Feliz 2016.

P.S.: ao longo do dia o post receberá mais fotos e vídeo.

Para assistir a um breve “tour” pelos 3 novos Moto G que publiquei em meu YouTube, clique aqui.

Postado via iPad mini + 4G

Evernote: cadernos e etiquetas avançadas

Evernote-iPad

Criar um sistema personalizado no Evernote, com cadernos e tags perfeitamente ajeitados ao seu estilo e fluxo de trabalho, é uma tarefa que às vezes demora bastante tempo. Buscamos sempre aprimorar o método que criamos e adaptamos para nós mesmos, e com a constante evolução da plataforma, mais possibilidades se abrem a cada atualização de software.

Ler Mais »

Como uso o Evernote para administrar pacientes e clientes (fotos + vídeo)

O que mais me empolgou na tecnologia móvel, quando a conheci há mais de 15 anos, foi a possibilidade de organizar melhor meu trabalho em consultório junto com as atividades de docência, plantões, viagens e afins. Depois que passei a fazer odonto homecare, meu dispositivo móvel se tornou ainda mais fundamental na rotina, pois passei a levar comigo o banco de dados de pacientes.

Neste post mostrarei como uso o Evernote para administrar meu banco de dados de pacientes, fazendo também uma pequena retrospectiva histórica. Vocês que são profissionais liberais e autônomos poderão se inspirar nele para criar seu próprio sistema de gestão de clientes.

Ler Mais »

Wearables, fitness e Basis Peak

O Podsemfio n.174, deste mês de maio, é uma entrevista com o Flávio Xandó a respeito de wearables e fitness. O papo foi muito bacana e quem gosta de correr vai se identificar bastante. O Xandó fez um retrospecto desde o primeiro wearable que ele usou lá nos anos 90 (sim, já existia!) até as experiências mais recentes com aparelhos da Garmin, TomTom e outros. Falamos também de Apple Watch, Android Wear e Tizen.

Animado, meu amigo Guga Machado, que também é dentista, fã de tecnologia e entusiasta do ciclismo me procurou para contar sua experiência com um gadget que eu não conhecia: o Basis Peak. Pedi para que fizesse um relato para o blog e ele gentilmente topou. Segue o review!

Ler Mais »

Tema do nosso próximo livro: Bitcoin

Anote na sua agenda: no próximo dia 26, quinta, às 20h, teremos o hangout do livro deste bimestre do Clube do Livro. Trata-se de “Bitcoin, a moeda na era digital”. Baixe-o gratuitamente aqui. O hangout, como de hábito, será em meu canal do YouTube.

O autor, Fernando Ulrich, é mestre em Economia da Escola Austríaca, com experiência mundial na indústria de elevadores e nos mercados financeiro e imobiliário brasileiros. É conselheiro do Instituto Mises Brasil, estudioso de teoria monetária, entusiasta de moedas digitais, e mantém um blog no portal InfoMoney chamado “Moeda na era digital”.

Calendário fixo do Clube do Livro

O projeto do Clube do Livro deste blog nasceu ano passado, durante um Periscope com os leitores. O objetivo é sair um pouco do mundinho das redes sociais, que vive à base de postagens rápidas e superficiais. Quero apostar na leitura de qualidade, mais aprofundada, com assuntos ligados aos temas do Garota Sem Fio.

Até agora debatemos 3 livros — confira no histórico do blog. A recepção foi muito boa por parte dos leitores e ouvintes. Assim, defini um calendário permanente para nossas leituras e discussões: os hangouts serão sempre na última quinta-feira dos seguintes meses: janeiro, março, maio, julho, setembro e novembro. Tão logo termine o hangout, já anuncio o livro do bimestre seguinte.

Escolhi a última quinta-feira destes meses porque é nas quintas que promovo papos semanais ao vivo com os leitores, seja via Periscope (quando sozinha) ou Hangouts (com convidados). Além disso, como toda primeira segunda-feira de cada mês sai meu podcast, o Podsemfio, colocarei o áudio imediatamente para quem preferir apenas ouvir, ao invés de assistir, os debates.

O novo bloqueio do WhatsApp: perguntas e respostas

whatsapp

Aconteceu de novo: WhatsApp fora do ar por 72 horas. Por que a história se repetiu? Um juiz pode impedir o acesso de milhões de brasileiros ao aplicativo? Bloquear o WhatsApp é coibir a liberdade de comunicação? O que podemos fazer para que isso não se repita mais?

Ler Mais »

Evernote: Capturando e Organizando

eventials-1

Mais uma aula sobre “Evernote para iniciantes” está disponível na Eventials por R$ 30,00. O tema é “Evernote: Capturando e Organizando”.

Esta é minha segunda aula online com o tema Evernote. A primeira você pode assistir aqui: “Como Organizar Trabalho e Estudos com o Evernote”

Nesta segunda aula dou dicas para organizar melhor seu conteúdo dentro do Evernote: cadernos x tags, formas de captura de informação, e integração com apps de terceiros para “alimentar” seu Evernote com conteúdo.

Adquira aqui a aula por R$ 30,00 e assista sempre que quiser. Acompanha um mapa mental com os tópicos ministrados.

Teremos mais aulas de Evernote nos próximos meses. Conforme os alunos vão se ambientando mais no assunto, sairemos do universo dos iniciantes. Teremos também aulas temáticas: para estudantes, profissionais… se você tiver sugestões de tópicos e temas para aulas, fique à vontade para comentar.

eventials-2

 

NÃO mude seu plano de internet banda larga agora!

Este é um aviso importante! Se você possui um plano antigo de banda larga (de antes de 2014), NÃO MUDE para que não caia automaticamente nos novos contratos com limite de franquia. Avisem seus amigos, parentes, compartilhem!

Ler Mais »

Discos virtuais: explore o melhor de cada serviço

Antigamente, não largávamos nossos pendrives. Hoje, temos diversos serviços de discos virtuais para guardar nossas coisas na nuvem e acessá-las de qualquer lugar!

Ontem gravei mais um webinar na Eventials, com o tema “discos virtuais”. Nesta aula, falo de Google Drive, Dropbox, OneDrive, iCloud entre outros. Qual escolher?

Resposta: use TODOS e saiba como extrair o melhor de cada um deles!

Ler Mais »

Página 1 de 22512345...102030...Último »
Desenvolvido por Agência WX