Android: o que é acesso root? É ilegal?

Dúvida do leitor André Luis Neves, que chegou por email, mas tem sido bem recorrente aqui no blog:

Um aparelho celular que tenha Android instalado, e o usuário root habilitado, perde a garantia de fábrica?

No Market temos aplicativos que precisam de root, e muitos pagos, mas há boatos que, não sei até onde, dizem que se eu tiver root eu perco a garantia. Liguei para várias fabricantes e autorizadas, e a informação diverge. Uma fala que não perde a garantia; outro fala que perde; outro alega que não desde que eu não faça “caca”… mas se for problema de hardware, a garantia cobre.

Uma outra coisa: a Claro está vendendo Galaxy S “capado” — não vem com os aplicativos que no site da Sansung fala que vem: Gmail e Gtalk. E pior, é bloqueado para instalar neles tais aplicativos, nem mesmo com root os usuários estão conseguindo. Isto por que ela tá vendendo aparelhos já desbloqueados na questão de uso da operadora, mas fizera com o sistema todo bagunçado.

Se comprei, quero usar como bem querer. O Procom pode garantir meu direito à garantia desde que eu não seja causador do dano no aparelho? Temos a garantia pelo menos do hardware?

André,

Antes de mais nada, vamos explicar o que é o tal do root (ou “superusuário”) para quem não é ninja em tecnologia… :)

Trata-se de uma espécie de desbloqueio do sistema, que permite acesso pleno à todas as configurações, pastas, ou seja, a raiz do sistema. Para tal, entra-se com linhas de comando, modifica-se o sistema operacional nativo (“firmware”). Cada aparelho, de cada fabricante, tem um jeito diferente de liberar esse acesso root. Em todos os casos, é um procedimento arriscado, que muitas vezes falha e inabilita o dispositivo para várias funções. No lado prático, o modo superusuário serve, por exemplo, para liberar funções como tethering, router 3G, acelerar o processador aumentando o desempenho, entre outros. É também um meio para instalar uma versão mais recente do sistema Android, adaptada, em aparelhos que oficialmente não receberam atualização da fabricante.

Dá para fazer uma analogia com o “jailbreak” do iPhone, que coloca multitarefa onde o sistema oficial não deixa, router 3G, instalar apps não oficiais, entre várias outras coisas.

Esse procedimento é ilegal? Colocar seu aparelho em root o faz perder a garantia?

A perda da garantia caso se “rooteie” um dispositivo é uma atitude aceitável por parte da fabricante, pois você está sujeito a várias regras nos termos de uso, aos quais você automaticamente concorda quando se torna usuário do aparelho. Você ganha acesso a qualquer funcionalidade do celular, e pode até danificar antena e outros componentes. Nessa situação o dispositivo pode inclusive ser usado além das frequências estipuladas pela Anatel, o que o tornaria duplamente ilegal.

Sobre Gmail e GTalk: segundo Marcelo Alves, meu personal geek, eles fazem parte de um pacote opcional, chamado “Google Experience”. Nenhum implementador de Android é obrigado a colocá-lo, já que é código PROPRIETÁRIO do Google — não faz parte do Android OS. É um procedimento similar àqueles crapwares, programinhas que na maioria das vezes não servem pra nada, mas que vem pré-instalados em notebooks. Não são do Windows, mas cada fabricante coloca o seu.

Essa questão do “comprei e faço nele o que quiser” é bem polêmica. Legalmente, o aparelho é seu sim, mas para o sistema operacional, ao que você tem direito é uma licença de uso. Você não pode manipulá-lo ou modificá-lo. Isso pode mudar mediante decisões judiciais, como a que tirou a ilegalidade do jailbreak em iPhones nos EUA, em certas condições. No Brasil, ainda não há nada similar.

Salvar/Compartilhar

57 Comments

  • Em 2010.12.30 00:21, Skinboll disse:

    Antes de mais nada gostaria de deixar meus parabéns pelo conteúdo está aprovado no ISO 9001.
    Só acrescentando uma coizita, eu estou navegando no seu site pelo celular e não pelo computador, por isso, estou mandando as postagens uma por uma.
    desculpe o em cômodo

    • Em 2011.01.04 22:24, fernandao disse:

      Skinboll simples compre um equipamento que funcione

      • Em 2011.02.20 20:21, MrShadow disse:

        Espero nunca usar um programa de sua empresa, se seus software alteram o núcleo do sistema, então vcs são amadores! não estão seguindo o procedimento correto e instalar um programa de vcs pode tornar o sistema instável a outras aplicações!

        • […] já rendeu uma tremenda polêmica aqui no blog a perda da garantia caso se “rooteie” um dispositivo. Lembram? Ao que Marcelo opinou: “Você ganha acesso a qualquer funcionalidade do aparelho, […]

          • Em 2011.06.05 16:54, a disse:

            É como comprar um carro, vc muda varias coisas mas não a cor, e até a transformação do veiculo sem autorização da criadora.

            • Em 2011.06.21 07:17, Skinboll disse:

              Fernando hihi não precisei comprar outro celular XD o problema erra somente no meu Browser kkk usava o próprio do aparelho e que tinha um limitizinho full…eiro :p comecei a usar o Browser do aplicativo JAVA e fim de páginas pela metade hihi aleluia!

              • Em 2011.09.09 19:27, Roger disse:

                Lindo… Estou apaixonado…

                Desenvolvido por Agência WX