PRO TESTE avalia 40 celulares/smartphones. Quem se saiu melhor?

A PRO TESTE (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor), comparou 24 smartphones e 16 celulares GSM das principais marcas para ajudar na escolha do usuário indeciso. São 40 aparelhos avaliados no total.

O teste completo será publicado na edição de dezembro da revista Pro Teste, distribuída para associados, mas já adianto alguma coisa por aqui. Os resultados me surpreenderam… a ponto de quase cair da cadeira quando li.

Segundo eles, os seguintes quesitos foram levados em conta:

Foram realizados 11 testes: qualidade sonora, sensibilidade de sinal, facilidade de uso, duração da bateria, ergonomia, facilidade de transporte, durabilidade, facilidade para compor e ler torpedos, qualidade da câmera fotográfica, desempenho do MP3 player e, quando possível, facilidade de acesso à internet e leitura de e-mails.

Os resultados:

No teste de qualidade sonora, em chamadas sem interferência externa e com barulho ambiente de 70 dB, os aparelhos se saíram bem. No teste de durabilidade porém, o smartphone Nokia N85 apresentou problemas após queda, bem como o Sony Ericsson W205 depois da análise de resistência à água.

Nos testes de conveniência modelos da Samsung, BlackBerry e Motorola não se saíram bem e foi difícil verificar chamadas perdidas nos aparelhos. Os celulares com visores maiores e teclados com maior quantidade de caracteres são melhores para ler e escrever mensagens de texto e e-mails.

Os celulares testados apresentaram boa durabilidade das baterias com tempo médio de conversa de 7 horas, mas quando conectadas à Internet a autonomia da bateria cai pela metade. Para ouvir música o iPhone 3Gs funciona até 40 horas consecutivas.

E os resultados. Entre os smartphones…

O melhor nos testes foi o Nokia N97 (R$ 1.299 a 1.999) com bateria super resistente e agilidade para escrever e receber mensagens, mas as escolhas certas da PROTESTE para quem quer um smartphone é (sic) o Nokia 5330 Xpress Music (R$549 a 699) e o Nokia E63, com bateria durável, bom preço (R$ 599 a 799) e ótimo para escrever e-mails.

Meu comentário:

Eu concordo que a Nokia é imbatível quando une qualidade do hardware à bateria. Também acho que deveriam ter separado software de hardware. O Symbian, sistema que vem nos 3 aparelhos citados, é super popular, mas hoje quem busca um smartphone leva MUITO em consideração a loja de aplicativos, conectividade e redes sociais. E nesse ponto, os modelos com Android e o iPhone estão na ponta da preferência.

Não estou dizendo que eles não prestam. Mas senti falta de aparelhos mais recentes. O Android não merece nenhuma menção, quanto à quantidade de aparelhos disponíveis e preços em queda? E, já que facilidade de uso, inclusive para internet, foi citada como importante, não há nada a se dizer do iPhone?

Os Symbian, infelizmente, estão datados, e no Brasil, a Ovi Store ainda não tem apps pagos, ao contrário de iPhone, Android e Blackberry. Mas acho que isso não foi considerado. O pós-venda também não, pelo jeito, uma vez que o N97 não se saiu bem nas vendas e tem frequentado bastante as assistências técnicas. E é justamente o que tem uma das piores baterias entre os Symbian. Nem vou entrar no fato de também estar defasado; fica estranho recomendá-lo nessa época de fim de ano, com tantas novidades mais atualizadas e BEM mais baratas.

E, sinceramente, em se tratando de “bateria super resistente e agilidade para escrever e receber mensagens”, os Blackberry dão um banho, tanto na ergonomia quanto no custo: com pacotes de dados bem mais econômicos, tem operadora com plano de menos de R$ 20/mês que deixa usar email à vontade. Só estou de acordo com a menção ao E63, que ao meu ver, hoje tem um dos melhores custo-benefício entre os smarts, ainda que também seja mais antiguinho.

Entre os celulares…

Para quem não precisa de todas as funções de um smartphone a PRO TESTE indica o Samsung GT-S3650 Corby (R$ 396 a 519), resistente a quedas, bateria durável e design versátil, e o Nokia 5220 Xpress Music (R$ 349 a 549), que é leve e bom para ouvir música. O melhor no teste foi o LG GD510 (R$399 a 699), ergonômico e bom tocador de mp3.

Levei um pequeno susto ao ver o LG GD510 como melhor celular. Não o tive em mãos ainda. Mas é porque vivo recebendo emails de leitores se queixando do aparelho. Tanto ele quanto o LG GW550 (que é um smartphone) são campeões de queixas dos consumidores, boa parte por causa de problemas não resolvidos pela assistência técnica. Uma busca no Google e no Reclame Aqui confirma isso. Já comentei sobre isso em entrevistas, e em alguns podcasts: a LG é a empresa que mais pisa na bola no pós-venda, e esses 2 modelos são considerados problemáticos. Como o “depois” não é levado em conta, seguindo os quesitos da PRO TESTE, achei por bem avisá-los.

Mas não pensem que acho ruim todos os LGs. Recentemente testei o GX500 e gostei bastante. O danado ainda por cima suporta 2 chips simultaneamente! Tem fotos dele no meu Flickr. Em breve tornarei a citá-lo aqui no blog, pois estou testando aparelhos multi-chips.

Em tempo: acho o Samsung Wave e vários Sony Ericsson da linha Walkman como os melhores celulares. Mas é meu parecer pessoal, lógico.

Bom, encerro aqui meus comentários e passo a bola pra vocês. Que acharam dos resultados?

Posts relacionados

Salvar/Compartilhar

46 Comentários

  • [...] This post was mentioned on Twitter by Julio Valentim, Diego Chavão, Afonso Junior, Simplíssimo Ebooks, Tecnominas and others. Tecnominas said: PRO TESTE avalia 40 celulares/smartphones. Quem se saiu melhor?: A PRO TESTE (Associação Brasileira… http://migre.me/2zjiH #TecnoMinas [...]

    • Em 2010.11.29 09:23, @fabianoamaro disse:

      Ahcei bem duvidoso esses resultados. Todos os smarts recomendados são de gerações anteriores, ou que estão rpestes a sair de linha.

      Utilizo um Motorola Milestone, e vários dos quesitos como por ex., facilidade para visualizar ligações perdidas, são objetivos e de fácil acesso no Android.

      Não entendi mt bem. Será que a Proteste vai para uma linha mais conservadora?

      • Em 2010.11.29 09:56, Luis Fernando Waib disse:

        Acho que a sua surpresa só se explica se você nunca viu um teste de smartphones da ProTeste. A organização, muito eficiente na defesa de direitos do consumidor, falha miseravelmente na análise de equipamentos high-end de toda sorte. Suas análises de smartphones são, invariavelmente, superficiais e falhas, a despeito do esforço que fazem em trazer alguma consistência.
        Na edição impressa, também é possível ver falhas em outras áreas, como as “dicas de saúde” – recentemente, publicaram uma matéria gigantesca sobre “medicina” ortomolecular (que de medicina não tem nada). E a falha é recorrente.
        Uma pena – eu mesmo sou associado da ProTeste e faço uso dos seus serviços na intermediação dos meus conflitos na relação de consumo. Mas, separando o joio do trigo, fecho os olhos para estas avaliações malfeitas e presto atenção apenas no que realmente me interessa.

        Parabéns pelo texto!

        • Em 2010.11.29 10:43, Edu82 disse:

          Meu pai é associado desta revista e quando peguei o exemplar na mão eu tive o mesmo “susto” que você Bia. Considero que este teste não fora feito por pessoas entendidas do assunto(um teste cego). Isso pode levar a um erro. Exemplo, meu pai, que não tem um bom conhecimento em tecnologia já estava considerando o nokia N97 melhor que o 3gs dele sem mesmo ter nunca mexido em um nokia.

          • Em 2010.11.29 11:12, victor disse:

            Sinceramente,acho quem fez esta pesquisa é muito Leigo na área de telefonia móvel.. como não citar Iphone ou Milestone 2? hoje na minha opinião eles são os Classicos Iphone representando o iOS e o Milestone o Android (froyo)… a Pro Teste deveria pesquisar melhor…eles tão na época que para ser um bom smartphone/celular deve ter somente um desing agradável e intuitiva.. será que eles nunca ouviu falar em Loja de Aplicativos ???

            • [...] the rest here: PRO TESTE avalia 40 celulares/smartphones. Quem se saiu melhor … Tweet This Post Plurk This Post Buzz This Post Delicious Digg This Post Facebook MySpace [...]

              • Em 2010.11.29 13:11, Everton disse:

                O pessoal da PROTESTE pelo jeito acha que o máximo que um telefone pode e tem que fazer é mandar SMS… tsc tsc…

                • Em 2010.11.29 13:22, Fabricio disse:

                  Totalmente infundado este teste.

                  Tenho um Nokia E71 e comprei o i1 da Nextel. Com certeza, os aparelhos Android e os iOS tem muito mais vantagens que os Nokia com Symbian. Eu mesmo, apesar de adorar Nokia, estou querendo comprar um iPhone.

                  • Em 2010.11.29 14:01, Ana Lu disse:

                    Até o presente momento, não troco o meu Nokia n 97 por nenhum celular ou sistema novo. Satisfeitíssima!!

                    • Em 2010.11.29 17:21, Ezyo Lamarca disse:

                      Imagino que nunca tenhas usado um Nokia N900 (Maemo), ou mesmo o Samsung Wave (bada).

                      • Em 2010.11.30 10:14, victor disse:

                        Eu trocaria pelo Iphone 4, haha :-)

                      • Em 2010.11.29 14:14, Patrik disse:

                        “Em tempo: acho o Samsung Wave e vários Sony Ericsson da linha Walkman como os melhores celulares. Mas é meu parecer pessoal, lógico.”

                        O Samsung Wave deve ser considerado como smartphone.

                        • Em 2010.11.29 14:26, Marcelo Muraro disse:

                          Se a pesquisa é publicada pela Proteste, vale considerar a possibilidade de ser jabá ou dela ter comprado essa matéria (antiga, por sinal). Proteste é uma entidade que deixa a desejar no quesito “confiança”, já fui assinante da mesma e detestei o serviço prestado, bem como os problemas que tive quando decidi me desfiliar da mesma.

                          • Em 2010.11.29 14:44, RB disse:

                            Eu só tenho uma coisa a dizer para esta pesquisa:
                            LOL!?

                            • Em 2010.11.29 14:49, Cesar disse:

                              Dear Bia,

                              os caras da ProTeste são mesmo fanfarrões… Colocar aparelhos datados como esses nos testes e comparar não é nada útil pra quem entende de tecnologia (gente como eu, vc e mais um monte que te segue no twitter e afins), mas infelizmente ajuda quem não tem esses “consultores gratuitos” (levanta a mão quem já ajudou, DE GRAÇA, algum amigo/familiar/namorado a escolher um celular o/) a não saírem das lojas com um pseudo-smart como se fosse um smart completo..

                              Eu sou chato e tenho um iPhone 4 e um Samsung Wave e, na boa, se pudesse ter os apps apenas do iPhone no Wave teria o smart perfeito, mas milagres ainda não aconteceram… o Wave tem um tremendo potencial, principalmente pra quem quer fazer uma casa sem fio (DLNA via AllShare RULEZ!!!). E olha que sou Nokia freak!! Meu primeiro Smart foi o N95 8GB e eu tinha muito app nele… Migrei dele pro Samsung Innov8 (o N95 8GB da Samsung…IDÊNTICO se um leigo avaliar…) e depois pro Wave + iPhone… Esperei até qdo deu pra comprar o Nokia N8, mas demorou demais a sair aqui e, sabe como é… Techgeek ama tecnologia na mão…

                              De qquer forma, o teste da Proteste é meio pro-forma: testa o que eles tem a mão numa relação faixa de preço X disponibilidade no mercado, e não dá pra negar que os aparelhos citados vc acha em qquer capital de estado do BR e algumas cidades importantes mais do interior tbm.

                              Abraços

                              • Em 2010.11.29 17:17, Ezyo Lamarca disse:

                                Apesar de não recomendar a Samsung para ninguém, já que ela não se preocupa com as atualizações dos seus aparelhos (o Galaxy original está aí com Android 1.5 há mais de um ano), devo dizer que o Samsung Galaxy S junta o melhor do Android (Market) com o melhor do Wave (interface e hardware), e ainda traz alguns bônus: TV digital e analógica e tela de 4″.
                                Entretanto, apesar de já ter mais de um ano, o Nokia N900 é o smart a ser batido! Claro, isso se você for um geek!

                              • Em 2010.11.29 14:51, Derni Borges disse:

                                É mesmo de dar risada esse teste. Primeiro, com certeza feita por pessoas que estão completamente por fora das últimas novidades em se tratando de celulares/smartphones. Deve ter dormindo por um ou dois anos.
                                Segundo, quem se baseia por esse teste, e deve ser muita gente, vai ficar com uma idéia totalmente errada dos smartphones realmente bons no mercado nacional

                                • [...] post: PRO TESTE avalia 40 celulares/smartphones. Quem se saiu melhor … Tweet This Post Plurk This Post Buzz This Post Delicious Digg This Post Facebook MySpace [...]

                                  • Em 2010.11.29 16:24, Daniel disse:

                                    Tem que se verificar a metodologia utilizada no teste.

                                    N97 é sim, um bom smartphone, exceto os primeiros modelos que deram problemas.

                                    Mais para mim ainda, nem android nem IOS, o que eu estou gostando muito, é do MAEMO N900.

                                    Prático rápido, e bem intuitivo para quem não quer revirar ele de cabeça para baixo e o melhor de tudo totalmente personalizavel.

                                    Único ponto fraco, realmente é a bateria!

                                    • Em 2010.11.29 17:20, Ezyo Lamarca disse:

                                      Não acho tão problemática assim a bateria do N900!
                                      Fica no mesmo nível de um Android, Symbian ou bada.

                                    • [...] Com informações de Garota sem fio [...]

                                      • Em 2010.11.29 21:31, Interaubis disse:

                                        Tenho o N97. É um aparelho instável, reinicia por qualquer coisa (sim: reinicia do nada, quando você está tentando fazer uma foto, quando está usando a internet).
                                        Fiquei extremamente decepcionado com ele, infelizmente não posso mais devolvê-lo senão faria isso.
                                        Ah, eu era fã da Nokia. Talvez ainda seja fã do hardware mas o Symbian que vem no N97 definitivamente é muito ruim.

                                        • Em 2010.11.29 22:46, Fala Sério disse:

                                          Fala sério viu… quem foi que te disse que Symbian está datado??? Isso é conversa pra boi dormir! Symbian ainda possui uma fatia de mercado impecável, e ainda vai sobreviver por um longo tempo, talvez até mais tempo que a febre do iOS :)

                                          • Em 2010.11.30 03:38, elias.alberto disse:

                                            Tenho um 5800 (aka “N97 sem teclado”) e tb estive com um ipod touch durante um tempo. Pode parecer uma comparação sem propósito, mas o que esperamos de um smartphone é que ele faça bem as coisas que um telefone tradicionalmente não faz. Ainda que o Nokia tenha desempenho satisfatório como gps e câmera, ele perde FEIO pro ipod touch no que diz respeito a navegar na internet, qualidade do touchscreen, beleza cosmética e disponibilidade de jogos e aplicativos interessantes. Outro ponto a se ter em mente é a qualidade do sistema operacional Symbian s60v5, muito instável e irritantemente lento, além de frequentemente apresentar problemas com biblioteca musical corrompida e arquivos sumindo – problemas que não tive com o iOS.
                                            Não esqueci que o 5800 é o mais barato smartphone completo (gps, touchscreen, wifi) e atende muito bem a necessidade de pessoas não tão dinâmicas quanto eu, que faço questão de ter diversos aplicativos, navegar na internet com alguma frequência, alterar frequentemente a biblioteca musical, etc. Além disso, é uma covardia comparar telefones com preços tão diferentes. Mas, se você não tem necessidade de gps, é muito mais negócio manter um telefone simples apenas para ligações e adquirir um ipod touch para a diversão. Ou, se o dinheiro não for problema, compre logo um iphone.
                                            Como já perdi a paciência com o meu 5800 e não quero ficar preso à Apple, decidi que minha próxima aquisição (em breve) será um Samsung Galaxy S. No entanto, como não tenho ainda nenhuma experiência com Android, só posso falar que a expectativa é de ser ainda melhor que o iphone.

                                            • Em 2010.11.30 05:46, Bruno Soldatelli disse:

                                              Vejo muitas opiniões “bitoladas” e pessoas alinhadas com conceitos muito alinhados com marketing das empresas e com ideias pouco oxigenadas. Digo isto porque o Sony Ericsson Xperia X10 está em nível muito superior a diversas citações feitas e os ilustres “formadores de opinião” fazem de conta que ele não existe. Vamos se atualizar pessoal!

                                              • Em 2010.11.30 09:11, Eduardo disse:

                                                Eu acho que é puro mimimi.
                                                Todo mundo fala do Symbian mas é incapaz de dizer por que estão reclamando.

                                                O Symbian tá de pé, o N8 tá mostrando a que veio e Deus me livre ficar preso à uma única fonte de aplicativos, ainda mais quando ela é que decide se posso usar ou não algum software concorrente deles.

                                                E sim, eu encontro bastante dificuldade de saber o que está rodando no Android, já que a multi-tarefa dele é muito ruim. Também encontro dificuldade em utilizar o iPhone, com aquele botão pedindo pra ser utilizado com a função ‘back’ e lá se vai a tua aplicação.

                                                Em suma. Assim como não falaram do vosso idolatrado porta-retrato digital + telefone sem antena iPhone de vocês, não falaram do Symbiam^3

                                                • Em 2010.11.30 09:58, Gustavo disse:

                                                  Vi só Nokia entre os melhores, não me parece mera coincidência.
                                                  Também senti falta de um pitaco sobre o Samsung Galaxy 5 (tenho e aprovo) e Motorola Spice.
                                                  Esse Spice tá parecendo muito legal, e muito barato pelos recursos que oferece.

                                                  • Em 2010.11.30 12:08, Felipe (@aguiazen) disse:

                                                    Apesar de não ter tido acesso ao teste completo, pelas informações aqui postadas achei o teste meio estranho, como não citar TREO, esse é guerreiro das guedas e bateria dele dura a vera… Mais impressionante foi deixar todos HTC e Motorolas/Samsung e Iphones de fora. Quesito facilidade de uso, iPhone é sensácional, achar ligações perdidas, 1 toque, enfim. Como usuário de meu 3º iPhone é claro que o defenderei, mas o sistema operacional e a intuitividade dele ninguém pode questionar, meus sobrinhos de 1,5 anos e 4 anos mexem nele melhor do seus pais, sério.

                                                    Me parece um teste meio tendencioso, ou que não definiu corretamente o seu escopo, falar genericamente “smart phones”, tem “n” que não foram nem citados, eu tentei usar o E72 ou na Nokia ou E62 antes de comprar o Treo a uns 4 anos atrás, meio tijolo, lento, não achei o symbian tão adpatado para smarts, já naquela época.

                                                    Acho que o conceito de smart phone deles se restringe a uma determinada faixa de preço ou relação custo benefício, mas confesso que também fiquei surpreso com os resultados e não me estranha que você Bia também tenha ficado, o que me estranha são os resultados não condizerem com os que lemos e vemos em blogs como seu. Vale um questionamento, se eles permitirem esse acesso.

                                                    • Em 2010.12.01 08:52, Bia Kunze disse:

                                                      Quando se fala em smartphone, deveriam no mínimo ter mencionado as principais plataformas. É absurdo colocá-las todas num balaio e generalizar. Para cada plataforma, há um perfil de usuário mais indicado. E aí sim, dentro de cada plataforma, analisar os modelos disponíveis.

                                                    • Em 2010.11.30 15:34, Roy Mustang disse:

                                                      Não sou especialista no assunto mas concordo que os critérios foram estranhos e o resultado mais ainda. Um quesito que tinha que ser considerado e foi sumariamente ignorado foi a memória interna, não é possivel colocar no mesmo saco um aparelho com 8GB de memória contra outro de 256MB.

                                                      • Em 2010.11.30 21:35, Caio disse:

                                                        Olá Bia, concordo com a autonomia da bateria dos Blackberry e tbm por sua capacidade de receber mensagens e e-mails mas tem um problema que ninguém fala, vc só consegue serviço de e-mails se tiver pacote de dados, diferente da Nokia onde basta um ponto de acesso wi-fi pra conectar e receber seus e-mails, isso pra quem não precisa de push mail. O pacote de dados mais barato q encontrei custava uns R$ 60,00 + a mensalidade do plano pós, pra quem não vive de e-mails é um desperdício de dinheiro. Os nokias podem estar defasados mas quando se fala de autonomia de bateria são imbatíveis além da facilidade de uso, ainda não consegui substitutos a altura para o meu e-71.

                                                        • Em 2010.12.01 08:50, Bia Kunze disse:

                                                          Negativo! Eu uso meu Blackberry com wifi direto! Onde tem dados, uso dados; onde tem wifi, uso wifi. O importante é que eles sempre estão à disposição, e é esse o perfil de uso de um usuário Blackberry. Para consultas “ocasionais”, aí sim, o Blackberry nem é o mais indicado.
                                                          E há planos de R$ 20 sim.

                                                        • Em 2010.11.30 22:06, Fredson disse:

                                                          Posso dizer que acertaram em uma coisa.
                                                          Eu tenho um N85 e apôs ele cair e não sofre nenhum arranhão, eu não escuto quase nada, fica parecendo que a pessoa do outro lado esta no meio de uma ventania e o sensor da camera também quebrou quando tiro uma foto fica uma pequena mancha escura no lado esquerdo inferior da foto, quando passa para o PC e vejo a foto em tamanho real a mancha se parece com um cristal.

                                                          • Em 2010.11.30 23:39, Marconi Pires disse:

                                                            “A vida não se resume a iPhones e a Appstores!”

                                                            Usuários especialistas, como a autora do texto e grande parte de seus leitores, exigem conexões ultra rápidas, apps de última geração, planos de dados gigantescos, dispositivos ultra modernos etc. Mas não podemos nos esquecer que a realidade da “grande maioria” (detesto a expressão, mas tive que usá-la) dos brasileiros é outra.

                                                            Para essa maioria pouco importa se um aparelho tem loja de app, pago ou não, se a versão do OS é 1.5 ou 2.2, se é iOS, Android ou Symbian ( e se ele está morrendo ou não). O que eles querem é ouvir rádio e MP3, “bater retratos”, trocar “torpedos”, surfar no Orkut numa área com wi-fi aberto e, ocasionalmente, realizar uma chamada ou outra. E isso qualquer xing-ling faz muito bem.

                                                            Adquiri recentemente um Nokia E71 que, ultrapassado ou não, consigo ver e editar minhas planilhas, escrever meus textos, ler e-mails, verificar meus compromissos e minhas listas de tarefas e ouvir música. E pra isso o E71 é mais que suficiente.

                                                            Seria um espanto se uma entidade voltada ao consumidor brasileiro, elegesse por exemplo, o iPhone ou o Milestone (que nem fez parte do teste) como melhor telefone aqui no Brasil. Isso sim seria de se cair da cadeira.

                                                            Palavras de um consumidor comum, que faz parte da “grande maioria”.

                                                            Obrigado,
                                                            Marconi

                                                            • Em 2010.12.01 08:48, Bia Kunze disse:

                                                              Marconi,

                                                              Claro que cada caso é um caso, o importante é que cada uma faça a sua de acordo com suas necessidades.

                                                              O problema é que a revista pegou QUARENTA aparelhos, e apontou como o melhor um que não está mais tendo demanda no exterior; portanto, como é praxe em muitas empresas, empurram as velharias para nós.
                                                              Android, iPhone e Blackberry são o futuro, as aplicações pessoais e profissionais hoje estão se concentrando nessas 3 plataformas, e negligenciá-las totalmente, sem sequer citá-las, é enganar o consumidor que está buscando HOJE uma opção para eventual troca. Não acha?

                                                              • Em 2010.12.02 23:17, Marconi Pires disse:

                                                                Olá, Bia.

                                                                Sim, nesse caso você tem razão. Não só enganar o consumidor, mas privá-lo de boas e reais opções aos xing-lings e aos defasados dispositivos disponíveis no mercado.

                                                                Em tempo: também sou leitor assíduo do seu blog, ok? ;-)

                                                                Abraço,
                                                                Marconi

                                                              • Em 2010.12.01 20:28, antonio carlos disse:

                                                                Concordo com o Marconi. Tenho o milestone e também tenho o nokia 3120c . Adivinha qual dos dois celulares tira melhor uma simples foto? a resposta é o nokia , que tem 2 mp, enquanto o milestone tem 5. Tentar ligar para alguém no milestone e ficar ouvindo: o que? como? não estou te ouvindo é algo comum ( defeito comum, vejam no reclameaqui, foruns..), já o nokia falo baixo e sem problema, todos me ouvem. Ah..o milestone me custou R$ 1200,00, tá com o botão de tirar foto todo descascado, carregar o celular e digitar ao mesmo tempo é um suplício (a tela fica descontrolada, problema também comum, vejam foruns e reclameaqui), já o nokia, caiu de uma escada, pisaram nele, molhou, e tá inteiro,o milestone uso uma capa de TPU, e tá descasacando o botão. Então, realmente, celulares considerados TOPS não me parecem que sejam os mais indicados para “grande maioria” da população como o marconi disse. E olha que adoro tecnologia e estou com um aparelho desse valor com android 2.1 ( ultrapassado, como foi dito no comentário da autora, já que já existe o 2.2, que só será disponibilizado pela motorola após muito barulho) , com qualidade de fotos péssima e botão feito de péssima qualidade. É isso,o teste tem TODA razão, por isso, meu próximo celular será um nokia, se outros fabricantes querem que sua marca tenha respeito no mercado devemvalorizar o cliente, dispobonibiliando ,por exemplo, as mesma atualiz~ções já disponíveis em outros países, como no caso do android. Tenho dito!

                                                              • Em 2010.12.01 18:54, medrmf disse:

                                                                Concordo que o N97 foi um tiro no pé em relação às críticas à Nokia. Mas pelo que vejo, a grande maioria dos seus problemas foram resolvidas. Não sei se quem continua enfadonho às críticas à ele usam as versões mais atualizadas do Soft. E o N97 mini? Ninguém fala a respeito. Eu tenho um e o único problema que realmente me irritava nele, que era a insistencia em manter o Nokia Tune como toque, foi corrigido na ultima atualização, além de um up no desempenho. O que me chateou, foi ter que fuçar o aparelho, pois apesar de ter o soft mais recente em Portugues BR, eu so consegui atualizar o aparelho trocando o Product Code dele, pois o PC do modelo comercializado pela Nokia inexplicavelmente não tem essa atualização disponível. Mas enfim, porque uso Nokia, ainda N97 mini? Pq só nele encontrei o que precisava, que é o teclado físico, um tamanho não tão avantajado, ser uma plataforma mas do que familiar pra mim, não estar preso a uma marca no quesito APP, ter praticamente acesso total a todas as funções e sistema do aparelho, e uma coisa primordial pra mim, a possibilidade de usar como modem para conexão 3g no Notebook (que eu saiba, nem I Phone, nem Milestone, nem Galaxy, me permitiriam isso – corrijam se estiver errado). Quanto aos APP, infelizmente a Nokia tem que rever sua política e estimular a proução, mas encontro, não com tantas opções, todos os apps que preciso (afinador de intrumentos, leitor pdf, bíblia em várias versões, jogos, editores de texto e planilhas, navegadores de internet dos mais variados tipos, programa ante roubo, evernote, isso para exemplificar o que tenho dentre outros).

                                                                • Em 2010.12.01 21:42, marcelo disse:

                                                                  trabalho no setor de sistemas de energia e a proteste nos prejudicou ao escrever besteiras em um desses testes, portanto nem dou atencao a essas publicacoes leigas e/ou compradas.

                                                                  • Em 2010.12.03 02:32, Paulo disse:

                                                                    Não sei pq vcs falam tão mal do N97. Tenho um a mais de um ano e nunca tive problemas. A bateria dura ate dois dias usando internet e mta musica, alem das fotos perfeitas até no escuro. Ele pra mim é perfeito, não penso em mudar de celular tão cedo. tem que ser mto fodão pra bater o N97.

                                                                    • Em 2010.12.10 02:18, Aderson disse:

                                                                      Não entendo como um sistema que há vários anos é multitarefa, permite o celular ser roteador wi fi, faz vídeo chamadas, permite editar pacote Office, pode ser tão “datado”. Como uma “novidade” no Android (servir como roteador) pode ser tratado como novidade no mundo dos celulares única e exclusivamente por ser novidade no Android. Acho tão esquisito isso.

                                                                      • Em 2010.12.10 17:55, Bia Kunze disse:

                                                                        Se ferramentas fossem a única coisa que importasse, todos estariam usando Windows Mobile 6.5. O sistema faz tudo isso desde 2003, e é o único sistema que permite que se instale o que quiser, à vontade, posto antes ocupado pelos Palms. Mas também é o fim de uma era, pois o Windows Phone 7 entra no rol dos aparelhos totalmente controlados pelas fabricantes e operadoras.

                                                                      • Em 2010.12.11 01:59, Saint-Clair Stockler disse:

                                                                        Vou mencionar um aparelho que está fora da lista da Pro Teste principalmente pelo fato de que chegou às lojas nesta semana: o Samsung Wave 525, com o sistema operacional Bada, e custando R$599,00 (R$100,00 a menos que o Galaxy 5, com Android); se não me engano, o segundo aparelho da Samsung com este s.o. Estou usando-o e gostando muito. Pelo preço, me parece ser um dos melhores smartphones para o final do ano, levando-se em conta custo-benefício. Tem wi-fi, GPS, é rápido e estável. Claro que no quesito “apps” fica muito aquém do Android, mas espero que seja só questão de tempo para que as coisas melhorem. Fica a dica para quem estiver procurando um bom aparelho com um preço mais adequado ao bolso da média da população brasileira.

                                                                        P.s.1: Andei pesquisando e embora haja poucas informações, me parece que deve chegar uma outra versão desse aparelho, mas com um adicional: teclado querty deslizante. Não sei chega até o final do ano, mas para que não gosta e/ou não se adapta exclusivamente à tela touch, talvez seja uma outra boa opção.

                                                                        P.s.2: Seria cômico se não fosse trágico, mas a Samsung está lançando esse aparelho numa “Edição Especial” – pasmem – Chiclete com Banana. O mais triste é que todo o material referente a essa banda de quinta categoria (wallpapers, vídeos, músicas) é considerado “arquivo de sistema” e NÃO pode ser deletado. Tremenda bola fora da Samsung! Até agora, é a única coisa de que não gostei nesse interessante aparelho. Lamentável…

                                                                        P.s.3: Bia, gostaria de lhe sugerir o review do Samsung Wave 525 para aquelas pessoas que estão pensando em comprar um smartphone decente, custando só um pouco a mais do que celulares comuns (na verdade, custando a mesma coisa ou até menos do que muitos celulares básicos que estão sendo vendidos atualmente; esta é outra coisa que merecia um texto seu aqui: a extrema confusão de preços e modelos, antigos e novos, que criam verdadeiras aberrações em nosso pobre mercado brasileiro… Em parte, culpa das próprias fabricantes que lançam como “novidades” modelos já praticamente fora de linha nos mercados americano e europeu).

                                                                        • Em 2010.12.16 12:05, leonardo disse:

                                                                          Nunca vi uma analise bem feita na PROTESTE a respeito e tecnologia, hardware e eletro-eletronicos. NUNCA!!!!! Recomendar o N97 como um bom aparelho eh o fim da picada: Symbian S60v5 pesadao e defasado, processador fraquinho, pouca memoria ram, teclado qwerty plano e duro, desconfortavel ao uso, travamentos e lentidao na troca de telas,… sem comentarios!

                                                                          • Em 2010.12.19 06:29, izael disse:

                                                                            ola pessoal tudo bm,eu tenho o n900 e acho q é um super celular eu indico ele para pessoas q qerem um super celular o sistema opercional e super rapido gostei , e n me arrependo thau, thauuuu.

                                                                            • Em 2011.06.18 09:05, djonny disse:

                                                                              manda tabela de precos promosionais de celulares conputadores e outros

                                                                              Desenvolvido por Agência WX